Jornal Nacional não! – Vergonha Nacional

04/09/2009 Sem Comentários por
 

Finalmente alguém suspendeu a Vergonha Nacional à Sexta (e não Jornal Nacional).

A decisão só pecou por tardia.

No vídeo mais abaixo pode-se ver o bastonário da Ordem dos Advogados a acusar a jornalista Manuela Moura Guedes de envergonhar a classe jornalística e de violar diariamente o seu código deontológico.

Esta situação passou-se numa entrevista em directo no Jornal Nacional, numa altura em que a jornalista afirmou que o bastonário fazia pouco pelos advogados, quando denunciava na praça pública as irregularidades cometidas pelos profissionais da ordem a que preside.

Manuela Moura Guedes ao referir-se às declarações do bastonário no Dia do Advogado sobre a existência de advogados que ajudam os seus clientes a cometer crimes, afirmou em directo: “O senhor é um bufo!”

Durante mais de vinte minutos, os dois envolveram-se numa chuva de críticas, com a jornalista a tentar, sem sucesso, defender-se das mais que justas e correctas criticas de Marinho Pinto.

É que por acaso (ou não) Marinho Pinto até acertou na mouche. O Código Deontológico dos Jornalistas de Portugal diz, logo no seu primeiro ponto, o seguinte: “A distinção entre notícia e opinião deve ficar bem clara aos olhos do público.”

É importante realçar que durante toda a sequência de eventos e circunstâncias que levaram a esta “entrevista”, Manuela Moura Guedes nunca entrevistou nenhum advogado que tenha votado no Bastonário. Apenas convidou as vozes discordantes. Ora, considerando que Marinho Pinto foi eleito pelos seus pares com uma expressiva maioria, é no mínimo muito estranho que a TVI não tenha encontrado vozes favoráveis ao Sr. Bastonário.

Conclui-se assim que neste caso um dos pilares do bom jornalismo foi pura e simplesmente ignorado: a isenção.

Mas finalmente alguém meteu essa Sra. no seu lugar. Grosseria e falta de chá nunca serão atributos para um bom jornalista, nem hoje nem nunca, nem em Portugal nem em país nenhum.

 

Notícias, Opinião, Videos
No Responses to “Jornal Nacional não! – Vergonha Nacional”

Leave a Reply